Última atualização: 20-04-2017 16:45:56
Imprimir
Página atualizada em 18-02-2014 10:13:11

Incentivo à investigação e à edição de obras sobre comunicação social (nomeação do júri e incentivo a atribuir em 2006)

INSTITUTO DA COMUNICAÇÃO SOCIAL

DESPACHO

Ao abrigo e para os efeitos do n.º 2 do artigo 16.º do Decreto-Lei n.º 7/2005, de 6 de Janeiro, determino, nos termos da delegação de competências atribuída por despacho de Sua Excelência o Ministro dos Assuntos Parlamentares, de 16 de Maio de 2005, que o montante global a disponibilizar em 2006 a título de apoio financeiro do Estado à investigação e à edição de obras sobre comunicação social seja de 61.500 Euros, não podendo cada incentivo ser superior a 3.000 Euros.

Mais determino que no corrente ano o júri a que se refere o n.º 1 do artigo 18.º do referido Decreto-Lei seja composto pelos seguintes três especialistas:

               Professor Doutor Aníbal Alves, Docente da Universidade do Minho
               Dr. Fernando Cascais, Director do Cenjor
               Dr.ª Judite de Sousa, Directora Adjunta de Informação da RTP (*)            

Os membros do júri terão uma remuneração de 500 Euros cada, verba a extrair do montante global deste incentivo.

Lisboa, 2 de Janeiro de 2006

Teresa Ribeiro
Presidente

_________________

(*) Substituída pela Dr.ª Maria Flor Pedroso. Ver  Despacho de 5 de Abril de 2006.


Nota: este Despacho não foi publicado no "Diário da República".

Imprimir
Página atualizada em 18-02-2014 10:13:11